21.9 C
São Gonçalo
quarta-feira, julho 28, 2021

Defesa de Flordelis tenta recurso para anular processo contra a deputada

Leia Mais

Guarda municipal salva família de tentativa de assalto e mata criminoso em São Gonçalo

Na noite desta terça-feira (27), um guarda municipal, de 52 anos, reagiu a uma tentativa de assalto e matou o criminoso em Santa Catarina,...

Público se despede de ‘Seu Peru’: morre Orlando Drummond

O eterno “Seu Peru”, da “Escolinha do Professor Raimundo”, o ator e dublador Orlando Drummond morreu nesta terça-feira (27) aos 101 anos de idade....

Sem se vacinar, irmã de Cristiano Ronaldo está internada com Covid-19

A irmã de Cristiano Ronaldo, Katia Aveiro, de 44 anos, está internada com os pulmões comprometidos por conta da Covid-19. Segundo postagem dela mesma...

Maricá inaugura trilha ecológica inédita no sábado (31)

Neste sábado, (31), o projeto Circuito Ecológico Caminhos de Maricá da Secretaria de Cidade Sustentável vai levar os aventureiros e amantes da natureza a...

A defesa da deputada Flordelis entrou com um recurso na Justiça do Rio de Janeiro para anular o processo em que ela é acusada de ter participação no assassinato do pastor Anderson do Carmo, até então marido da pastora. A cantora gospel publicou um comunicado nas suas redes sociais sobre a temática.

“A defesa da deputada Flordelis, formada pelos advogados Rodrigo Faucz, Jader Marques e Janira Rocha, apresentou ao Poder Judiciário do Rio de Janeiro o recurso que visa, dentre outras medidas, anular o processo em que a deputada Flordelis é acusada de participar no assassinato de seu marido”, disse a nota publicada nos perfis da deputada.

De acordo com os advogados da pastora, “foi demonstrada a completa ausência de elementos de prova para encaminhar a deputada à júri, bem como inúmeras nulidades e erros processuais gravíssimos”.

A defesa ainda argumentou que ocorreram tentativas de manchar a reputação da cantora gospel com a opinião pública.

“Por fim, as diversas tentativas de desconstruir a imagem da deputada junto à opinião pública também foram apontadas, indicando violações de princípios legais e constitucionais de maneira sistemática.”

De acordo com a Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro, Flordelis encabeçou o crime contra Anderson do Carmo. Ainda segundo a polícia, antes do pastor ir a óbito, a deputada havia tentado matar o marido em maio de 2018, quando colocou arsênico na comida dele. Até o momento, ela não foi presa por conta da imunidade parlamentar.

Em nota, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) comentou o caso:

“O recurso foi juntado ao processo no dia 13. Ele foi enviado ao Ministério Público e ao assistente de acusação para manifestação. Ainda não há decisão.”

Notícias Relacionadas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

Maricá entrega produção de abóboras para a população

A Prefeitura de Maricá distribuiu gratuitamente à população, nesta segunda-feira (26), a segunda leva da carga de seis toneladas de abóboras cultivadas na fazenda...

Empresário briga com Neymar por causa de mulher: ‘Fura-olho’

Antes companhia habitual de Neymar, integrante da turma dos “Parças”, que andam com o craque nas baladas e festas, o empresário Diego Aguiar usou...

Youtuber é preso acusado de estupro de crianças de Niterói

Crianças com idades entre 10 e 14 anos de Niterói foram alvos de um influenciador digital e youtuber de games acusado de aliciá-las e...

Fluminense encara o Criciúma pela Copa do Brasil

O Fluminense entra em campo nesta terça-feira (27), às 19h15, no estádio Heriberto Hulse, em Santa Catarina, para medir forças contra o Criciúma no...

São Gonçalo estende vacinação contra Covid-19 a jovens maiores de 18 anos (Veja os locais)

Gonçalenses com mais de 18 anos podem continuar se vacinando com a primeira dose da vacina contra o coronavírus nesta terça-feira (27), nos doze...