19.9 C
São Gonçalo
sábado, julho 13, 2024

Flordelis: Polícia vai ouvir médicos que atenderam o pastor Anderson

Crédito: Divulgação

Os investigadores querem saber se ele estava sendo envenenado por integrantes da família

A Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) vai ouvir os médicos e enfermeiros que atenderam o pastor Anderson do Carmo de Souza, marido da deputada federal Flordelis dos Santos de Souza.

 

Os investigadores querem saber se ele estava sendo envenenado por integrantes da família. Os filhos de Anderson falaram em depoimento que os remédios vinham sendo colocados na comida do pastor a mando da esposa.

 

Em 31 de julho, a delegacia enviou um ofício a um hospital particular, que Anderson costumava ir, requisitando todos “os dados qualificativos e os contatos dos médicos e enfermeiros que tenham assistido direta ou indiretamente” do pastor. Ele tinha o costume de buscar atendimento na unidade de saúde quando não se sentia bem, o que vinha ocorrendo com frequência, segundo os relatos de seus filhos.

 

A polícia já recebeu cópias dos prontuários médicos de 2018 e os documentos mostram que o pastor procurou a unidade de saúde por três vezes ao longo do ano passado. Suas queixas eram de problemas como taquicardia, dor lombar e vômitos.

Matérias Relacionadas

No Content Available
plugins premium WordPress