24.2 C
São Gonçalo
terça-feira, maio 21, 2024

Prefeitura de Niterói recebe comitiva da Prefeitura de Peñalolén do Chile

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Niterói está recebendo integrantes da Fundação Yunus da Prefeitura de Peñalolén, distrito de Santiago, no Chile. A fundação trabalha com ações voltadas ao desenvolvimento social e econômico da comunidade, além de estimular o acesso à igualdade de gênero. A comitiva veio a Niterói para conhecer os programas públicos voltados às mulheres desenvolvidos pela Coordenadoria de Políticas e Direitos das Mulheres, a Codim. Também foram apresentados os projetos e equipamentos da prefeitura voltados à promoção do empreendedorismo, a economia solidária e à geração de trabalho e renda.

Em agosto do ano passado, o Projeto Mulher Líder, idealizado pela Codim foi um dos vencedores da 16ª Capacitação Regional de Mercocidades, na cidade de Esteban Echeverría, na Argentina. No evento, representantes de governos, instituições acadêmicas e organizações da sociedade civil da Argentina, Brasil, Chile, Equador e Uruguai, se reuniram para apresentar projetos com o desafio de construir comunidades sustentáveis baseadas em iniciativas de inclusão social, esportes e direitos humanos.

Niterói foi a cidade escolhida para receber a visita de membros do Departamento de Gestão Inclusiva da Fundação Yunus, que durante a semana farão visitas aos equipamentos da Codim para conhecer de perto as políticas implantadas para as mulheres.

“Estamos muito felizes em receber nossas colegas chilenas para esse intercâmbio em Niterói. As ações desenvolvidas pela Codim ganharam reconhecimento internacional e mostramos que temos projetos replicáveis e que servem de inspiração para outras cidades. Ver a temática feminina ser discutida em âmbito internacional e saber que estamos contribuindo para superação do desafio de promover a autonomia econômica das mulheres nos enche de alegria e a certeza de que há muito a se fazer, mas que estamos no caminho certo”, resumiu Fernanda Sixel, coordenadora da Codim.

As representantes da Prefeitura de Peñalolén, Mónica Urbina e Isidora Duarte, assistiram uma apresentação da Codim sobre os eixos de trabalho, equipamentos e dados dos projetos desenvolvidos Depois foi a vez de Peñalolén apresentar as suas experiências para identificação de possíveis convergências e possibilidade de cooperação entre as cidades.

“A importância dessa visita é justamente esse intercâmbio de iniciativas voltadas à mulher. Percebemos que a realidade das mulheres na América Latina é bem parecida. Foi uma troca muito inspiradora”, destacou Mónica Urbina, chefe do Departamento Inclusivo da Fundação Yunus.

Na terça (09), as representantes do Chile visitaram a Sala Lilás, um espaço criado para prestar atendimento especializado e humanizado às mulheres vítimas de violência. A Sala Lilás funciona no Posto Regional de Polícia Técnica Científica (PRPTC) e é uma parceria entre as Prefeituras de Niterói e Maricá, Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e Secretaria de Polícia Civil. Depois, a comitiva seguiu para uma visita cultura ao Solar do Jambeiro e ao Museu Janete Costa. A parte da tarde foi reservada para conhecer o Ceam, Centro Especializado de Atendimento à Mulher Neuza Santos, equipamento responsável pelo acolhimento e fortalecimento da mulher em situação de violência. O Ceam conta com equipe técnica interdisciplinar composta por assistentes sociais, psicólogas, advogada e arteterapeuta e oferece, dentre outras atividades, o CineCEAM, yoga e oficinas de nutrição.

Depois, as integrantes da Fundação Yunus conheceram o Nuam, Núcleo de Atendimento à Mulher – fruto da parceria com o Plaza Shopping. O espaço funciona no G4, como um ponto de acolhimento e orientação, e também como porta de entrada para a rede de proteção à mulher. O dia termina com uma visita cultural ao Theatro Municipal de Niterói.

Nesta quarta-feira (10), durante toda a manhã, a comitiva irá conhecer o Espaço Empreender Mulher, que conta com o primeiro coworking feminino e público da América latina, além de sala pública de reunião e Espaço Colab. Além de conhecer o equipamento, será apresentado o Programa Mulher Líder que já capacitou mais de 100 mulheres e vai para sua terceira edição, com uma roda de conversa com a participação de empreendedoras capacitadas pelo projeto no ano passado, e a apresentação do projeto Sororidade Conecta, uma parceria entre a Codim e o grupo Somos Empreendedoras para estabelecer conexão, mentoria, trocas e oportunidades de crescimento para as mulheres que já passaram pela capacitação Mulher Lider.

A parte da tarde está reservada para uma visita à primeira agência do Banco Comunitário Arariboia, em Vila Ipiranga. O banco tem o objetivo de organizar e cadastrar pequenos produtores, empreendimentos de economia solidária e comerciantes de dentro das próprias comunidades para que a Moeda Social Arariboia seja usada como moeda local circulante, para movimentar a economia nestas localidades.

Na quinta (11), haverá a apresentação da Casa do Empreendedor, que oferece serviços de apoio para o microempreendedor individual de Niterói e também uma visita ao Núcleo de Atendimento ao Empreendedor, NAE. O espaço é voltado para os empreendedores promoverem iniciativas que contribuam para o crescimento do negócio a partir da oferta de programas diversos que proporcionam conhecimentos, como mentorias, palestras, oficinas e workshops de capacitação para aprimorar a competência das micro e pequenas empresas de Niterói, em parceria com o Sebrae. À tarde está reservada para a Casa Paul Singer, o primeiro centro público municipal de referência em economia solidária no estado do Rio do Janeiro, seguido de uma visita cultural ao Museu de Arte Contemporânea (MAC).

Matérias Relacionadas

plugins premium WordPress