23.9 C
São Gonçalo
sábado, maio 25, 2024

Visitas guiadas pelo Centro Histórico serão retomadas a partir de abril

Foto: Divulgação

As visitas guiadas ao Centro Histórico de Itaboraí serão retomadas a partir do dia 4 de abril no município. Destinada aos alunos das escolas públicas e particulares, ONGs, Associação de Moradores e outros grupos, a visita é um momento de aprendizado da história, patrimônio e personalidades de Itaboraí. Os interessados em participar devem realizar o agendamento pelo e-mail: visitasguiadas@itaborai.rj.gov.br.

As visitas acontecem às terças e quintas-feiras, sendo pela manhã, às 9h e a tarde, às 14h. Cada sessão pode ter no mínimo 15 pessoas e no máximo 60, e duram aproximadamente 2h30.

Segundo dados da Secretaria Municipal de Cultura, responsável pelas visitas guiadas, o período do ano letivo é a época de maior demanda da programação. Os agendamentos foram retomados neste mês de março e podem ser realizados durante todo o ano. Até o último dia 20 de março, foram registrados 23 agendamentos.

O secretário municipal de Cultura, Roberto Costa, ressaltou que as visitas guiadas pelo Centro Histórico sempre foram muito solicitadas pela população de Itaboraí, que ama conhecer um pouco mais da memória da cidade.

“É mágico ver a alegria dos alunos das nossas escolas descobrindo um pouco mais sobre a cidade em que nasceram e vivem. É com imensa alegria que anunciamos que as visitas guiadas retornarão com tudo em 2023. Que as pessoas possam agendar e conhecer mais um pouco do nosso tão amado município e se encantar ainda mais pela sua história”, disse o secretário.

No trajeto são visitados a Igreja Matriz de São João Batista, o Palacete Visconde de Itaboraí, a Casa Paulina Porto, a Casa Heloísa Alberto Torres, a Biblioteca Joaquim Manoel de Macedo e outros locais que contam a história da cidade. Todos no entorno da Praça Marechal Floriano Peixoto, no Centro.

De acordo com a orientadora dos visitantes, Alexandra Barbosa, as visitas têm cunho disseminador do conhecimento, no qual transmite aos visitantes informações a respeito dos acontecimentos e fatos ocorridos na região.

“Esse é um projeto de muito sucesso, principalmente para os estudantes do município. Conhecer a história do lugar onde vivemos é muito importante. Além das curiosidades e noção de preservação em especial do conjunto arquitetônico que compõem o patrimônio histórico e artístico localizado na Praça Marechal Floriano Peixoto”, comentou Alexandra.

Matérias Relacionadas

plugins premium WordPress