17.2 C
São Gonçalo
sábado, agosto 13, 2022

Projeto social Thiago Machado revela campeões de Kickboxing em São Gonçalo

Leia Mais

O Projeto Social Thiago Machado surgiu do sonho de um grande campeão de Kickboxing de levar artes marciais para pessoas carentes, dando a possibilidade de se tornarem campeões, como ele. Thiago Machado, que era um policial militar, faleceu em 2016, ao ser atingido em serviço. Sua esposa, Fabiana Almeida, também competidora, deu vida ao sonho do lutador criando o projeto, que funciona com recursos próprios, através de rifas, vaquinhas e ajuda de amigos. Por participarem sempre juntos das competições, ficaram conhecidos como ‘família de lutadores’, o Thiago Machado, a esposa, Fabiana Almeida, a filha, Bruna Soares, e o genro, Hiago Lins, todos sempre conquistando importantes títulos.

Thiago Machado foi uma figura importante, inclusive, na volta da modalidade Musical Forms para as competições da FKBERJ (Federação de Kickboxing do Estado do Rio de Janeiro) e da CBKB (Confederação Brasileira de Kickboxing), pois fez parte da equipe do Professor André Shekinah, que protagonizou um movimento pela volta da modalidade.

Ainda com uma faixa amarela na cintura, começou a competir no Musical Forms com Armas, utilizando uma katana (espada samurai) e sagrou-se campeão. No primeiro ano em um campeonato a nível nacional, Thiago venceu um capoeira e um carateca, trazendo o Troféu de Melhor Equipe de Musical Forms do Brasil, juntamente com a atleta Sarah Martins. Em pouco tempo, passou a arte para a esposa e amigos de equipe, que também se sagraram campeões. No ano de 2015, empatado com outro competidor, Thiago ganhou o Troféu de  Melhor Atleta de Musical Forms, tendo vencido a votação entre os presidentes das associações.

Hoje, o projeto conta com aulas gratuitas de Kickboxing e Karatê e, conforme a ajuda recebida de amigos, são distribuídas cestas básicas, medicamentos, etc. As professoras de Kickboxing são Fabiana Almeida, responsável pelo projeto, e sua filha, Bruna Soares, que sempre conta com o apoio do marido, o campeão Hiago Lins. As aulas de Karatê são ministradas pelo sensei Gustavo Porto e a administração do espaço é feita por Marcelo Nogueira.

No ano de 2019, após um trabalho intenso de preparação, decidiram que estava na hora dos atletas participarem dos campeonatos da FKBERJ. Decisão acertada, pois, todos os atletas medalharam e a Equipe Samurai Fight de Kickboxing, nome da equipe do projeto, obteve destaque, revelando campeões e passando a ser conhecida. Entre os atletas que se destacaram estão Marcelo Nogueira, Samara Nogueira, Camila Alcântara, Thalia Santos e Luiz Oliveira. Uma das grandes conquistas da equipe é o caso da atleta Camila Alcântara que, com apenas 9 anos de idade, foi indicada ao prêmio de Atleta Revelação de 2019 da FKBERJ.

“Agradeço a todos os amigos que compram nossas rifas, participam das vaquinhas online, doam alimentos, medicamentos, roupas, entre outras coisas, para manter o projeto, pois não tenho outro tipo de ajuda. Enfim, a todos que abraçaram o projeto, permitindo que esses atletas tenham a oportunidade de serem campeões e de se graduarem, para que, quando chegarem à faixa preta, se tornem professores e tenham, também, uma profissão. E, quem sabe, se tornem lutadores profissionais!”, diz Fabiana Almeida.

A pandemia do Covid-19 paralisou temporariamente os planos da equipe, que já estava preparada para encarar o primeiro campeonato de 2020, a 6ª Taça Guanabara de Kickboxing. Os atletas Gustavo Porto, Marcelo Nogueira, Camila Alcântara, Samara Nogueira, Thalia Santos, João Victor Carvalho, Jeffinho Salles e Dayvid Salles já estão inscritos desde março. Todos ansiosos para continuarem a tradição criada pela equipe de trazer medalhas e títulos para o projeto.

Notícias Relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias