23.9 C
São Gonçalo
terça-feira, junho 18, 2024

PM ocupa ‘QG’ do Terceiro Comando em São Gonçalo

Policiais do 7º BPM ocuparam Complexo da Alma

Visando coibir a guerra de facções que vem assolando um conjunto de bairros em São Gonçalo, o 7°BPM (São Gonzalo) iniciou, na manhã desta sexta-feira (28), a ocupação do Complexo da Alma, principal reduto do Terceiro Comando Puro (TCP) na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

A iniciativa segue por tempo indeterminado e se junta a instalação da 4°CIA do batalhão, que será inaugurada até outubro, no combate ao crime organizado de locais como Jóquei, Amendoeira e Anaia, que vem sofrendo com confrontos constantes entre facções criminosas rivais.

Segundo o comandante da unidade, tenente-coronel Gilmar Tramontini, setores de inteligência do batalhão já vinham realizando um trabalho “silencioso” na área com o objetivo de estudar possíveis áreas de atuação no Complexo da Alma, que trata-se da principal força do TCP em São Gonçalo e abriga criminosos de localidades do Rio de Janeiro como o Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio. No ano passado, o local serviu de abrigo para o traficante Thomas Jayson Gomes Vieira, o 3N, antes dele ser morto durante operação conjunta da Coordenaria de Recursos Especiais (Core) e do 7°BPM (São Goncalo) em Itaboraí, em novembro de 2019.

Nos últimos meses, traficantes do TCP e Comando Vermelho vem travando uma intensa guerra armada pelo controle do tráfico de drogas de comunidades em São Gonçalo, principalmente os Predinhos, no Joquei, controladas pelo CV, e Alma e Candoza, “pertencentes” ao TCP.

No início deste mês, o 7°BPM realizou uma operação de combate ao tráfico de drogas no Complexo da Alma em ação que terminou com três mortos, armas apreendidas e a localização de trincheiras que serviam como rota de fuga de traficantes em caso de operações policiais e tentativas de invasões da principal facção rival.

Já em maio deste ano, uma outra operação do 7°BPM terminou com a neutralização de cinco criminosos do Comando Vermelho que haviam tentado invadir o Complexo da Alma. Eles foram pegos quando saíam da localidade e trocaram tiros com policiais militares em um dos acessos da localidade no bairro Amendoeira. Na ação, três fuzis e três pistolas foram apreendidos com os homens.

Matérias Relacionadas

No Content Available
plugins premium WordPress