20.9 C
São Gonçalo
quinta-feira, maio 30, 2024

Freixo promete criar rede de cozinhas comunitárias para fornecer comida gratuitamente

O candidato a governador Marcelo Freixo (PSB) visitou a Cozinha Comunitária de Santa Luzia, em São Gonçalo. Freixo afirmou, se eleito, que o combate à fome será prioridade do governo do Rio de Janeiro, onde quase 3 milhões de pessoas não têm o que comer.

O candidato prometeu ampliar a experiência das cozinhas comunitárias que, na maioria dos casos, funcionam por meio do voluntariado, através de parcerias com o governo do Estado.

Freixo também afirmou que vai reativar os oito restaurantes populares que estão fechados e ampliar o salário mínimo regional, congelado pelo ex-governador Wilson Witzel e pelo atual, Cláudio Castro, para R$ 1.585.

“Criar uma rede de cozinhas comunitárias em bairros pobres é fundamental porque muitas vezes a pessoa não tem dinheiro para se deslocar até um restaurante popular. Então oferecer refeições gratuitas nos locais onde há pessoas com fome é muito importante. E vamos oferecer refeições nos restaurantes populares nos fins de semana, o que hoje não é feito”, explicou.

A Cozinha Comunitária de Santa Luzia, criada há 5 anos por 11 moradores do bairro, fornece gratuitamente 350 refeições aos domingos e feriados. Por dia, são produzidas 350 refeições, e os alimentos são adquiridos com recursos dos próprios voluntários. Em média, são consumidos 35 quilos de arroz, 20 de feijão, 35 de proteína, 12 de macarrão, além de legumes e verduras.

Marcelo Freixo, do PSB, é candidato da coligação “A Vida Vai Melhorar”, que reúne PSB, PT, PCdoB, PSOL, PV, Rede, PSDB e Cidadania.

 

Matérias Relacionadas

plugins premium WordPress