23.9 C
São Gonçalo
sexta-feira, maio 24, 2024

São Gonçalo leva 50 idosos para conhecer o Maracanã

Foto: Renan Otto / Prefeitura de SG

No mês em que o Maracanã completa 73 anos, a Prefeitura de São Gonçalo, através da Subsecretaria de Proteção Social Especial, levou 50 idosos atendidos pelo Centro de Referência Especializado à Pessoa Idosa (CERPI) para conhecer o maior templo do futebol brasileiro, na manhã desta terça-feira (27).

“O idoso tem por direito, de acordo com o Estatuto da Pessoa Idosa, o acesso à cultura e ao lazer. Poder proporcionar esse momento tão especial para eles nos enche de emoção e felicidade, pois convivemos diariamente com eles e sabemos a importância desses momentos para a saúde física e emocional deles. Ver os olhinhos deles brilhando é gratificante”, afirmou a coordenadora do CERPI, Cinthia Weber.

Durante o Tour do Maracanã, os idosos puderam conhecer os bastidores do estádio, o acervo histórico com camisas antigas, chuteiras e a rede do jogo do milésimo gol do Pelé, um dos vestiários, sala de aquecimento dos jogadores e de coletiva de imprensa, e ainda tiveram a oportunidade de chegar próximo ao gramado sagrado do palco das finais de duas Copas do Mundo e de uma edição dos Jogos Olímpicos.

 Emocionada desde que pisou no Maraca, a aposentada Dilceia Carvalho, de 71 anos, não conteve as lágrimas. Visitando o estádio pela primeira vez, a aposentada registrava com fotos todos os momentos para, segundo ela, mostrar para seus filhos e netos.

“Mal consigo expressar a emoção de realizar esse passeio. Para muitos pode parecer simples, mas para mim é muito significativo, porque por muitos anos me privei da diversão e do lazer. Antes, a minha vida era trabalhar e cuidar da família, não tinha tempo para momentos de lazer. Hoje, aos 71 anos, vejo que o céu é o limite. Com a equipe do CERPI já conheci vários museus, fui no Cristo Redentor, ou seja, desde que passei a fazer parte das atividades eu já vivi muitas alegrias”, disse Dilceia.

O Centro de Referência Especializado à Pessoa Idosa, localizado no Jardim Catarina, atende a mais de 600 pessoas por mês. Formado por uma equipe multidisciplinar com psicólogo, assistente social, pedagogos e educadores, o equipamento oferece aula de alfabetização, rodas de conversa, oficinas que estimulam a mente e o corpo, e semanalmente promove passeios culturais.

Matérias Relacionadas

plugins premium WordPress