23.9 C
São Gonçalo
sábado, abril 13, 2024

São Gonçalo é destaque negativo na vacinação infantil

Leia Mais

São Gonçalo não vacinou nem 20% das crianças contra a poliomielite na campanha nacional de multivacinação infantil em agosto, de acordo com o painel disponibilizado pelo Ministério da Saúde e baseado nas notificações feitas em tempo real por estados e municípios.

Foram aplicadas na cidade pouco mais de 9 mil doses da vacina contra a polio de um público-alvo de 50 mil bebês e crianças menores de 5 anos. Em todo o País, foram aplicadas mais de 4,6 milhões de doses da vacina contra a paralisia infantil, desde o começo da campanha em 8 de agosto, segundo o Ministério da Saúde.

O objetivo da campanha nacional de vacinação contra a poliomielite, também conhecida como paralisia infantil, é vacinar 95% da população menor de 5 anos de idade. Além de reduzir o número de crianças e adolescentes menores de 15 anos que estão com vacinas atrasadas, com a campanha da multivacinação.

E como as coberturas vacinais estão abaixo do recomendado em todo o País, a campanha foi prorrogada até o dia 30 de setembro nas unidades básicas.

Para as crianças e adolescentes estão disponíveis as vacinas BCG; hepatite A, hepatite B; penta; pneumocócica 10-valente; pneumocócica 23-valente; poliomielite inativada (VIP) e poliomielite oral (VOP); rotavírus humano; meningocócica C (conjugada), meningocócica ACWY (conjugada); febre amarela; tríplice viral; tetraviral; tríplice bacteriana (DTP); dupla adulto (dT); varicela e HPV quadrivalente.

Em São Gonçalo, a mobilização acontece em 54 postos de saúde, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. No site da Prefeitura (www.saogoncalo.rj.gov.br), é possível encontrar a lista dos postos que estão disponibilizando a vacina.

Segundo os especialistas em saúde, a vacinação aumenta a proteção das crianças e adolescentes contra as doenças imunopreveníveis, evitando a ocorrência de surtos, hospitalizações e óbitos. Todos os imunizantes são seguros e registrados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A Secretaria de Saúde e Defesa Civil de São Gonçalo informou que “os profissionais da Atenção Básica orientam os pacientes sobre a importância de todas as vacinas, assim como os agentes comunitários de saúde em visita nas residências. Também há divulgação da disponibilidade das vacinas nas redes sociais da Prefeitura”.

Notícias Relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

plugins premium WordPress