Quatro homens são presos na Ponte Rio-Niterói após roubos em farmácias e perseguição policial pela cidade. Veja o vídeo:

Divulgação

Um roubo em uma farmácia em Icaraí terminou em uma “cena de filme de ação” na manhã desta quinta-feira (13), em Niterói. Quatro homens foram presos na Ponte Rio-Niterói após uma perseguição que começou na Rua Coronel Moreira César, uma das principais vias do bairro de Icaraí, na Zona Sul da cidade.

De acordo com informações da Polícia Militar, a perseguição começou após dois homens roubarem produtos de uma farmácia no bairro. Segundo a corporação, militares do Niterói Presente foram acionados por volta das 11h30, após os homens entrarem no estabelecimento com uma bolsa e começarem a furtar produtos.

Uma funcionária do local percebeu a ação e foi ameaçada de morte pelos homens que fugiram do local com mais dois homens que estavam esperando em um carro preto, modelo Toyota Ettios. A funcionária não se abalou com a ameaça e perseguiu os dois suspeitos até encontrar os agentes do Niterói Presente.

A partir daí se seguiu uma perseguição que só terminou com a prisão dos quatro homens após o pedágio da Ponte Rio-Niterói, no sentido Rio de Janeiro. Após a prisão os homens forma encaminhados para a 76ªDP (Niterói), onde ficou constatado que eles tinham feito outro roubo em uma farmácia da mesma rede na Rua Gavião Peixoto, também em Icaraí.

Entre os itens roubados estão produtos estéticos e dermatológicos importados e alguns medicamentos. Um dos xampus roubados custava cerca de R$200,00. Um dos homens da quadrilha utilizava uma tornozeleira eletrônica e o motorista que dirigia o veículo seria um motorista de aplicativo que ganharia a quantia de R$300,00 para transportar os assaltantes da Praça Mauá, no Rio de Janeiro, para efetuar alguns roubos na cidade sorriso.

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.