23.9 C
São Gonçalo
domingo, junho 16, 2024

Prefeito, vice e vereadores são empossados em São Gonçalo

Sob um clima de cordialidade, Capitão Nelson e vereadores foram empossados para seus mandatos na manhã desta sexta-feira (1°) na Câmara dos Vereadores da cidade.

A cerimônia começou com 33 minutos de atraso e contou com a presença de 26 vereadores dos quais apenas Diney Marins, vereador reeleito, não compareceu à solenidade de posse.

Na abertura, o vereador mais votado nas eleições municipais de São Gonçalo, Claudinei Siqueira (Republicanos), leu um versículo da bíblia e em seguida foi tocado o hino nacional, a leitura do compromisso constitucional de posse e acompanhada da leitura e assinatura dos vereadores.

Na ocasião, foi realizada a eleição do novo presidente da casa e Lecinho (MDB) foi eleito com 26 votos.

“Serei um presidente muito democrático, com uma presidência aberta e participativa. Eu agradeço muito a Deus pela vitória. Passamos por um ano muito difícil e o fato de estarmos aqui já é nossa principal vitória. Vim de uma família muito humilde e o único político da família sou eu. Não é fácil. Mas vim crescendo com minha atuação e eu agradeço muito a Deus, a minha equipe de trabalho e a população gonçalense que confiou seu voto na minha pessoa em mais um mandato. Quero dizer que vou dar o meu melhor, como na minha vida toda”, disse já na mesa principal do plenário. 

A cerimônia dos vereadores acabou quase ao meio-dia, quando iniciou em seguida a posse do prefeito Capitão Nelson (Avante) e do seu vice prefeito vice Sergio Gevu (PL).

Seguindo o rito cerimonial, o hino nacional foi cantado e seguido pela leitura do compromisso constitucional de posse, no qual o prefeito eleito e seu vice assinaram a posse dos cargos.

Em seu primeiro pronunciamento oficial, Capitão Nelson cumprimentou a todos e alegou ter prazer de retornar à casa, onde fez parte por 14 anos e pediu um minuto de silêncio em respeito aos mortos da cidade pela Covid -19.

“Esse poderia ser mais um discurso de posse como os tivemos nos últimos 40 anos, mas não é. Estamos sem tempo para formalidades, porque enquanto estamos olhando uns para os outros tem gente morrendo lá fora. É nosso dever ajudar as pessoas que estão lá fora. Além disso, a gente ainda luta contra outra pandemia que atinge São Gonçalo há anos, chamado descaso. Foi por essas pessoas que hoje me torno prefeito. Para devolver a auto estima desse povo e o desenvolvimento de São Gonçalo. As dificuldades são inúmeras, mas como em toda a minha vida, nunca recuei em desafio algum. O momento é de união e de reconstrução. Ninguém faz política sozinho. Eu conto com essa casa e com cada vereador aqui. Teremos muito que trabalhar para melhorar a nossa cidade”, disse o novo prefeito. 

O vice prefeito Sérgio Gevu ( PL), quebrou o protocolo e agradeceu a confiança em seu trabalho e pediu proteção a Deus para todos os presentes.

A cerimônia foi encerrada às 12h30, com agradecimento da presença de todos.

Matérias Relacionadas

No Content Available
plugins premium WordPress