22.6 C
São Gonçalo
segunda-feira, julho 15, 2024

Polícia investiga se neta da deputada Flordelis jogou o celular no mar

Na tarde desta quarta-feira (26), agentes da DH de Niterói tiveram a informação de que um mototaxista teria levado a neta da deputada federal Flordelis até a Praia de Piratiniga, que fica a 8 km da residência onde o crime foi executado, para jogar um celular no mar.

A polícia investiga se o telefone em questão era do filho da parlamentar, Flavio dos Santos. A ação teria ocorrido no dia 18 de junho, dois dias após o assassinato do Pastor Anderson do Carmo. No mesmo dia, equipes da DH vasculharam a casa onde ocorreu o crime.

O mototaxista já foi ouvido pela polícia nesta tarde. Ele chegou em um carro descaracterizado. A neta suspeita de ter  jogado o celular também já prestou depoimento. A polícia já havia apreendido 20 celulares das pessoas que estavam na casa. Na investigação foi descoberto que mensagens foram enviadas através do telefone de Anderson horas após o crime.

O aparelho do pastor continua desaparecido.

Matérias Relacionadas

No Content Available
plugins premium WordPress