30.1 C
São Gonçalo
quarta-feira, abril 17, 2024

Movimento de Mulheres em São Gonçalo (MMSG) Lança Processo Seletivo

Leia Mais

O Movimento de Mulheres em São Gonçalo (MMSG) anuncia um novo processo seletivo após firmar parceria com a Petrobras. A iniciativa visa contratar profissionais com experiência na área social para integrar equipes interdisciplinares nos projetos coordenados pela instituição. As vagas contemplarão psicólogos, assistentes sociais, pedagogos e educadores sociais, com atuação prevista nos municípios de Duque de Caxias, São Gonçalo e Itaboraí.

O edital, divulgado nas redes sociais do MMSG em 5 de fevereiro, disponibilizou 420 inscrições, esgotadas em apenas dois dias. O processo seletivo incluirá prova objetiva e redação, sendo que os candidatos que obtiverem nota mínima de 70 pontos terão seus currículos avaliados e serão convocados para entrevistas. Os aprovados comporão inicialmente um banco de reserva, sendo chamados conforme a demanda das equipes. As provas acontecerão em 17 de fevereiro, sábado, às 9 horas, com confirmação da inscrição por e-mail e local da prova enviado aos candidatos.

A gestora da entidade, professora Marisa Chaves, destaca que a alta procura e o sucesso do processo seletivo refletem a excelência dos projetos sociais do MMSG, focados na defesa dos direitos de crianças, adolescentes, jovens, mulheres, idosos e pessoas em situação de violência de gênero ou vivendo com HIV/AIDS. Ela reitera que as vagas são destinadas aos diversos projetos da entidade, que completa 35 anos em março, realizando iniciativas em parceria com entidades públicas e privadas, além de receber doações nacionais e estrangeiras.

Segundo Chaves, o cadastro de reserva aberto na última segunda-feira atingiu a meta de 420 inscrições em 48 horas, indicando o reconhecimento crescente do MMSG como espaço de formação profissional. O ranking de procura revela 56% de assistentes sociais, 22,6% de psicólogos, 10,7% de educadores sociais, 5,5% de advogados e 4,3% de pedagogos.

O MMSG celebra a aprovação do projeto NEACA em parceria com a Petrobras, visando contribuir para a promoção, prevenção e garantia dos direitos humanos de crianças, adolescentes e jovens. O Núcleo Especial de Atendimento à Criança e Adolescente Vítimas de Violência Doméstica e/ou Sexual (NEACA) tem como foco o atendimento humanizado às vítimas, com uma metodologia baseada na escuta ativa e sensível. O projeto terá duração de quatro anos, contando com equipes interdisciplinares para atender São Gonçalo, Duque de Caxias e Itaboraí. A gestora Marisa Chaves destaca a importância das ações do NEACA, priorizando a proteção social especial e o trabalho articulado em redes.

Notícias Relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

plugins premium WordPress