22.3 C
São Gonçalo
sábado, abril 20, 2024

Justiça decide soltar militar acusado de matar vizinho em São Gonçalo

Leia Mais

O sargento da Marinha, Aurélio Bezerra, conseguiu na Justiça o direito de responder em liberdade pela acusação de assassinar seu vizinho, Durval Teófilo Filho, em fevereiro deste ano, na entrada do condomínio em que ambos moravam no bairro do Colubandê, em São Gonçalo.

A decisão de mandar soltar o acusado foi do juiz Cairo França David, da 4° Vara Criminal de São Gonçalo, que alegou que a prisão de Aurélio, réu confesso do crime, foi mantida “por ausência de dados objetivos e concretos que legitimem a manutenção da custódia do paciente”.

O militar alegou ter matado Durval, um homem negro que chegava em casa do trabalho, por ter confundido a vítima com um bandido que iria assaltá-lo. Durval, que estava desarmado e até chegou a gritar que era morador do condomínio, foi morto com três tiros na região do abdômen. Aurélio estava preso desde o dia do crime há sete meses.

Ainda de acordo com a decisão, a prisão do réu foi substituída por outras medidas, como ser proibido de mudar de endereço ou se afastar por mais de oito dias de São Gonçalo sem autorização judicial e comparecer à Justiça sempre que convocado.

 

 

 

 

Notícias Relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

plugins premium WordPress