21.9 C
São Gonçalo
terça-feira, maio 28, 2024

Feira de Agricultura Familiar homenageou o mês das mães

Fotos: Clarildo Menezes / Prefeitura de Maricá

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca, promoveu neste sábado (06/05) mais uma edição especial da Feira da Agricultura Familiar, em homenagem ao mês das mães, com oferta de produtos hortifrúti, gastronomia artesanal, plantas e artesanatos. A feira, que acontece sempre no primeiro sábado do mês na Praça Agroecológica, em Araçatiba, integra o Sábado Agroecológico, e reuniu cerca de 40 expositores. O evento contou ainda com o Caminhão do Peixe, que vende pescado 40% mais barato do que no comércio local.

A secretária de Agricultura, Pecuária e Pesca, Mariana Príncipe, estuda levar a Feira Agroecológica para outros bairros do município e fomentar a agricultura local.  “Essa feira é muito importante para os agricultores locais e para as famílias conhecerem e apreciarem os produtos naturais e sem agrotóxicos. Estamos avaliando poder levar a feira para outros locais de Maricá, começando por Itaipuaçu”, disse.

Quem passou pelo local pôde encontrar produtos naturais e orgânicos, diferentes cervejas artesanais e trabalhos artísticos (sabonete, quadros e panos bordados).

O professor francês, Cristian Du Tertre, aproveitou o dia para conhecer os produtos orgânicos oferecidos na feira. Durante a visita, o docente explicou que, em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), desenvolve um novo modelo econômico que tenha relação entre produtores, consumidores e a população de Maricá.

“É muito importante conhecermos sobre os modelos econômicos de economia solidária. Estudar um novo formato que tenha um contato direto entre o produtor e a população, nos dá uma obrigação de construir um modelo diferente, que tem como base a cooperação e não a competição. Maricá é linda e estou adorando conhecer essa economia!”, disse.

A moradora de Itapeba, Andressa Etienne, falou sobre a importância da feira para as crianças terem contato com alimentos sem conservantes e sem agrotóxicos.

“Estou aqui com a minha filha Maria Luiza e estamos adorando comprar coisas daqui de Maricá. Gosto dessas feiras, pois consigo apresentar diferentes produtos para minha filha”, afirmou

Cristina Paz, moradora do centro de Maricá, disse que além de oferecer uma alimentação saudável para a população, a Feira Agroecológica proporciona o encontro social. “Sempre aproveito para comprar os meus legumes, conversar e ouvir música boa”, declarou.

No local também aconteceu uma oficina gratuita de aproveitamento integral ou parcial de alimentos com a professora Fernanda Travassos, da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFFRJ). “Hoje ensinamos a utilizar completamente a banana verde, fazer biomassa de banana verde, bolos, guacamole, sucos e muitas outras coisas que podemos preparar em casa e evitar o desperdício do alimento, que é um fator potencializador da insegurança alimentar e da fome”, explicou.

Ao fim do evento, o cantor Ronaldo Valentim apresentou um show com repertório especial de MPB.

Matérias Relacionadas

plugins premium WordPress