30.1 C
São Gonçalo
quarta-feira, abril 17, 2024

Caminhada do Outubro Rosa leva centenas de gonçalenses às ruas em São Gonçalo

Leia Mais

Foi em outubro do ano passado, em uma campanha como essa que descobri o câncer. Estar com outras mulheres me fortaleceu. A alegria também me curou!” , disse a autônoma Maria Teresa Mora, de 57 anos, que participou da Caminhada de conscientização sobre o câncer de mama , que reuniu mais de 200 pessoas em São Gonçalo neste domingo (6). Organizada pela Secretaria de Saúde, através da coordenação do Espaço Rosa, a caminhada teve como lema a celebração da vida.

 

“Há exatamente um ano eu descobri o câncer de mama em uma campanha como essa. Conheci o Espaço Rosa, onde me deram todo suporte e fui acolhida pelo Unidas Pela Vida , um grupo de mulheres que foi extremamente importante no meu tratamento. Hoje eu repasso para outras mulheres toda força que me passaram. Nós já choramos e sorrimos juntas. A alegria é um modo de curar o câncer também!”, disse. 

 

O prefeito José Luiz Nanci também esteve presente na caminhada e destacou a importância da informação sobre a doença e ressaltou que suas formas de cuidado devem chegar a cada vez mais pessoas. 

 

“O câncer tem cura. Já passei por isso e estou curado. Nosso encontro aqui hoje não é sobre política, é sobre conscientização. Queremos que cada vez mais pessoas tenham acesso aos seus direitos e possam se cuidar. O diagnóstico precoce pode salvar vidas!”, destacou. 

 

Um dos momentos marcantes da caminhada foi protagonizado pela cabeleireira e maquiadora Mônica Miguel, que há sete anos trabalha como voluntária no processo de autoestima de mulheres em tratamento do câncer, e hoje, como paciente em tratamento, depois de muito tempo se permitiu tirar a peruca pela primeira vez em público. 

 

“Eu sempre ajudei outras mulheres em seus processos de autoestima. Ano passado estive aqui como voluntária, hoje sou uma paciente. A vida é isso, altos e baixos, mas não podemos nunca perder a esperança!”, disse Mônica, que também é integrante do grupo Unidas Pela Vida. 

 

Para o secretário de Saúde, Jefferson Antunes, a luta das mulheres que se mobilizam no apoio umas com as outras deve servir de inspiração para todas as pessoas. 

 

“O grupo Unidas Pela Vida é motivo de orgulho e inspiração para todos nós. Eu só tenho a agradecer o empenho e comprometimento de todos que tornaram essa caminhada possível. A coordenação do Espaço Rosa e a todas as equipes da Secretaria de Saúde”, ressaltou. 

 

Em São Gonçalo, nos últimos meses, mais de 400 mulheres que passaram pelo Espaço Rosa foram diagnosticadas com câncer. A coordenadora Patrícia Silva relata que o acompanhamento desde o diagnóstico ao fim do tratamento, através de acolhimento e escuta, faz a diferença na vida de cada mulher que passa pelo Espaço. 

 

“Nossa unidade fecha o diagnóstico da doença com os serviços oferecidos, como ultrassonografia, mamografia e biópsia, e encaminha para tratamento em hospitais de referência. Também realizamos o acompanhamento dessas pacientes durante todo o processo. Elas são fortes, guerreiras e determinadas, então, nada melhor que fazer um dia de conscientização e alegria para as milhares de mulheres que já passaram por essa doença!”, disse.

Notícias Relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

plugins premium WordPress