24.5 C
São Gonçalo
segunda-feira, junho 24, 2024

Barbeiro confessa que torturou e matou professora em São Gonçalo

O barbeiro William Teixeira da Silva, de 25 anos, confessou, na noite desta segunda-feira (30), que torturou e matou a professora Angélica Lima, de 42 anos, no último dia 23, dentro da residência da vítima no Rio do Ouro, em São Gonçalo.

 

De acordo com a polícia, ele afirmou que a morte da vítima teria sido encomendada, mas os agentes da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG), responsável pelo caso, descartaram essa hipótese.

 

O homem será levado, nesta terça-feira (1), para o presídio de Benfica, na Zona Norte do Rio.

 

O caso –

A educadora infantil Angélica Lima, de 42 anos, foi torturada e morta dentro de sua própria casa, na noite desta segunda-feira (23), no bairro Rio do Ouro, em São Gonçalo.

 

De acordo com testemunhas, a vítima chegou na residência por volta das 20h e foi surpreendida com a presença do criminoso, que agrediu com socos, chutes e tesouradas. Além disso, Angélica chegou a ser enforcada com um cabo que foi utilizado pelo agressor no crime.

 

Mesmo com marcas de agressão em todo o seu corpo, ela chegou a ser socorrida pela própria irmã para o Hospital Estadual Alberto Torres (Heat) no Colubandê, mas não resistiu aos ferimentos.

Matérias Relacionadas

No Content Available
plugins premium WordPress