19.9 C
São Gonçalo
domingo, maio 26, 2024

Araçatiba recebe segunda edição da Feira de Agricultura Familiar

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca, levou à praça agroecológica de Araçatiba, na manhã deste sábado (1º/04), a segunda edição da Feira de Agricultura Familiar deste ano, com produtos hortifruti, gastronomia artesanal, plantas e artesanatos. O evento integra o Sábado Agroecológico, que acontece no primeiro sábado de cada mês, e reuniu cerca de 40 expositores, além do Caminhão do Peixe, que vendia pescado 40% mais barato do que no comércio local.

Nas barracas, era possível encontrar desde produtos naturais e orgânicos a uma diversidade de cervejas artesanais e trabalhos artísticos (como quadros e bordados), além de livros com preços reduzidos. Ao lado do marido, a jovem Isabela Sampaio, de 21 anos, que é moradora de São José de Imbassaí, pôs à venda obras clássicas de autores variados, como Graciliano Ramos e George Orwell. “É melhor do que ficar na estante. Trouxemos para vender neste espaço que eu acho muito bacana”, disse.

Entre os que preferiram levar para casa mudas de alimentos, estava o prestador de serviços Max André, de 48 anos, que foi “fazer a feira” no evento levando itens, como couve e cheiro verde. “Já frequento a feira há algum tempo e vou levar mais coisas. Acho muito bom ter esse espaço porque ajuda os produtores locais e incentiva o povo a consumir o que é realmente natural”, ressaltou o morador do Flamengo.

Já a dona de casa Daniela Reis, 38 anos, moradora do Condado, visitou a Feira Agroecológica pela primeira vez e saiu da barraca da Cooperar com mudas de feijão e repolho e livros para ajudar no plantio em casa. “Só de não ter nenhum tipo de agrotóxico já valeu ter vindo aqui. Gostei muito. Vou ler os livros para aprender a fazer direitinho”, garantiu.

No local também foi realizada uma oficina gratuita de técnicas de artesanato com o professor José Domingos, que atua no Instituto Jodoma de capacitação sociocultural e ambiental. Ele ensinou como fazer peças a partir da reutilização de folhas de coqueiro, bambu e taboa.

A nova secretária de Agricultura, Pecuária e Pesca, Mariana Principe, disse que nos próximos meses pretende levar a Feira Agroecológica para outras regiões da cidade. “Ainda estamos avaliando, mas temos a intenção de disponibilizar esse evento em outros locais da cidade, começando por Itaipuaçu”, afirmou.

Matérias Relacionadas

plugins premium WordPress