29.9 C
São Gonçalo
terça-feira, janeiro 19, 2021

Veja o vídeo: o ‘pau quase comeu’ na Câmara de SG

Leia Mais

Reajuste de 7,6% da gasolina nas refinarias começa a valer nesta terça-feira (19)

O novo reajuste da gasolina, o primeiro do ano, começa a valer nesta terça-feira (19). O valor subiu de R$ 1,84 para R$ 1,98 nas...

Enterro do vendedor morto na RJ-104 é marcado por emoção

O vendedor Wendel Freitas Oliveira, 33 anos, baleado na RJ-104, foi enterrado na tarde dessa segunda-feira (18) no Cemitério Parque da Paz, no Pacheco....

Três homens são presos em Santa Luzia com drogas

Policiais militares do 7° BPM (São Gonçalo) prenderam na noite dessa segunda-feira (18), três homens envolvidos com o tráfico de drogas. De acordo com o...

Bruna Marquezine engata romance com filho de Claudia Raia, diz colunista

Os boatos de que a atriz Bruna Marquezine e Enzo Celulari, filho dos atores Edson Celulari e Claudia Raia, estariam juntos podem não ser...

A sessão ordinária na tarde de quinta-feira (7), na Câmara Municipal de São Gonçalo foi palco de uma discussão protagonizada pelos vereadores Prof° Josemar (Psol) e Jamir Júnior (PRTB).

Segundo imagens de um vídeo que circula nas redes sociais, o presidente da Câmara Lecinho (MDB) tentou acalmar o clima que ficou tenso quando o vereador Prof° Josemar, muito exaltado, pediu respeito ao vereador Jamir Júnior, atual líder do governo.

Veja o vídeo:

 

O Lado de Cá entrou em contato com os dois vereadores para ouvir suas versões do que de fato aconteceu.

“É inaceitável que um líder de governo seja um desequilibrado a ponto de criticar o líder do meu partido chamado-o de maconheiro e vagabundo. Apenas me exaltei por não aceitar essa falta de respeito no plenário da Câmara, quando se deveria debater as políticas da cidade e não de outra natureza”, disse Prof° Josemar.

Já o vereador Janir Júnior, líder do governo, deu sua versão: “Foi no calor da emoção, nós vivemos num estado democrático de direito onde existe a livre manifestação de pensamento. No primeiro momento ele se posicionou na terceira terceira pessoa, eu também, e depois no final, ele não aceitou a minha opinião em relação ao líder político dele. Foi aí que ele começou a me chamar de moleque e aí sim, a agressão partiu da terceira para a primeira pessoa”, defende-se.

Notícias Relacionadas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

Primeiras 400 doses da vacina contra Covid-19 chegam até quarta-feira (20) em Tanguá

A Prefeitura de Tanguá recebe até quarta-feira (20) cerca de 400 doses da vacina contra a Covid-19, doadas pelo Governo do Estado. Segundo o...

São Gonçalo inicia na quarta-feira vacinação contra a Covid-19

A Secretaria Municipal de Saúde de São Gonçalo vai começar a vacinar contra a Covid-19 todos os profissionais de saúde, moradores de residências terapêuticas...

Após 4h de atraso, doses chegam ao Rio e governo confirma início da vacinação nesta segunda (18)

Após quatro horas de atraso, as primeiras doses da vacina contra a Covid-19 chegaram ao Aeroporto Santos Dumont, no Centro da capital fluminense, pouco...

Dupla é presa acusada de tráfico de drogas em Maricá

Dois homens foram presos com drogas na manhã desta segunda-feira (18), no condomínio do programa ''Minha Casa, Minha Vida'', em Itaipuaçu, Maricá. Segundo a PM,...

Barcas operam com horário especial no feriado de quarta-feira (20)

A CCR Barcas vai operar com o horário especial de fim de semana na próxima quarta-feira (20), Feriado de São Sebastião, padroeiro da cidade...