28.6 C
São Gonçalo
segunda-feira, novembro 30, 2020
Publicidade
Publicidade
Publicidade"
Publicidade

Rio de Janeiro amplia oferta de leitos para pacientes com a covid-19

Leia Mais

Prefeitura faz ação de conscientização em bares e restaurantes de Maricá

Equipes da Secretaria Municipal de Ordem Pública (SEOP) em conjunto com agentes da Guarda Municipal de Maricá, policiais do Programa Operação Segurança Presente (PROEIS)...

Quatro pessoas são detidas acusadas de boca de urna em São Gonçalo

Quatro pessoas foram detidas, neste domingo (29), acusadas de praticarem boca de urna durante o segundo turno das eleições na UERJ, no bairro Patronato,...

Vídeo: Traficante é preso enquanto curtia praia no Rio

Policiais civis prenderam, neste domingo (29), Yago Figueiredo, o Joaquim, apontado como um dos chefes do tráfico no Morro da Mangueira, Zona Norte do...

São Gonçalo registra 223 mil abstenções no segundo turno

O segundo turno das eleições em São Gonçalo ficou marcado não apenas pela virada do candidato Capitão Nelson (Avante) contra o petista Dimas Gadelha,...

Com a alta recente na taxa de ocupação de leitos para pacientes com a covid-19 no Sistema Único de Saúde (SUS), a Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro anunciou a abertura de mais leitos clínicos e de terapia intensiva, e determinou que todos os leitos destinados ao tratamento da covid-19, que estejam livres, devem estar prontos para serem utilizados. Mais 83 leitos devem ser disponibilizados em cinco hospitais da rede estadual. 

Os hospitais de campanha, administrados pelo estado, tiveram sua reativação descartada pela secretaria. Segundo a secretaria, as unidades temporárias já foram desmobilizadas, e o material usado nos hospitais foi removido para a Central de Armazenamento de Materiais relacionados à covid-19. Entre os itens, há medicamentos e mobiliários, incluindo 120 respiradores.

A previsão da secretaria é que esses materiais sejam distribuídos para outras unidades de saúde, conforme planejamento que será feito com a Fundação Estadual de Saúde e a Subsecretaria de Regulação e Unidades Próprias da Secretaria de Estado de Saúde. O cronograma dessa distribuição será apresentado na próxima semana, segundo a SES.

Dos 83 leitos disponibilizados para unidades estaduais, 42 são no Hospital Municipal São José, em Duque de Caxias; 25 no Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE); 12 no Instituto Nacional de Infectologia (INI); três no Hospital Estadual Carlos Chagas (HECC); um no Hospital Estadual Anchieta (HEAN).

Prefeitura

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) do Rio de Janeiro aumentou de 251 para 271 o número de leitos de UTI para pacientes com a covid-19. Ontem (18), 250 pacientes graves estavam internados. Ao todo, há 901 leitos municipais para a covid-19, nos quais há 552 pessoas internadas.

Há ainda 34 pessoas com a covid-19 em processo de transferência para UTIs públicas na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

A secretaria disse que não há fila de espera e que “o número de leitos especializados na rede é maior do que a demanda por internações para tratamento da doença”.

Se consideradas as redes estadual, municipal e federal, há 903 pessoas em leitos para a covid-19 na capital, sendo 421 em UTIs. Esses números indicam que a ocupação dos leitos de UTI para covid-19 no SUS chegou a 81% na capital. Quando levados em conta apenas os leitos municipais, a ocupação é de 92%.

No início do mês, havia 729 pessoas internadas com a covid-19 em unidades do SUS na capital fluminense, sendo 378 em UTIs. Desse último grupo, 208 estavam em leitos municipais.

Mortes

Outro indicador em alta no estado é a média móvel de mortes por covid-19 nos últimos sete dias, que passou de 100 óbitos por dia ontem (18), pela primeira vez desde 21 de setembro, segundo painel de monitoramento da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

A média móvel de mortes é um indicador considerado importante por pesquisadores para avaliar a tendência da pandemia com menor interferência das oscilações diárias. O cálculo consiste em somar as mortes registradas nas últimas 24 horas com as dos seis dias anteriores e dividir o resultado por sete.

A média móvel iniciou novembro em queda e chegou a 30,14 mortes por dia em 11 de novembro. Desde então, houve uma alta acentuada, chegando ontem (18) a uma média móvel de 104 mortes.

Powered by Rock Convert

Notícias Relacionadas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

Bairros de Maricá tem abastecimento de água interrompido

A Cedae está realizando reparo emergencial de vazamento em adutora de água bruta do sistema de abastecimento de Maricá. O serviço está previsto para...

Barroso diz que abstenção de eleitores foi maior que o desejável

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, disse hoje (29) que a abstenção dos eleitores no segundo turno das eleições...

Capitão Nelson (Avante) é eleito prefeito de São Gonçalo com 50,79% dos votos válido

Capitão Nelson (Avante) supera Dimas Gadelha (PT) e será o novo prefeito de São Gonçalo pelos próximos quatro anos. Em disputa acirrada até o...

Dimas vota ao lado dos prefeitos de Niterói e Maricá

Os prefeitos de Maricá, Fabiano Horta e de Niterói, Rodrigo Neves, acompanharam o candidato a prefeito Dimas Gadelha, candidato da coligação 'São Gonçalo Pode...

Capitão Nelson vota confiante na vitória

Capitão Nelson (Avante), candidato a prefeito de São Gonçalo, votou na manhã deste domingo (29), por volta das 10h22, em sua zona eleitoral, no...