24.5 C
São Gonçalo
sábado, dezembro 4, 2021

Professor de Niterói quer aproximar filosofia e público

Por meio da “Oficina de Filosofia”, professor Diogo Bogéa rompe as barreiras do ensino clássico e provoca mais conhecimento com a experiência de questionamentos 

Leia Mais

Há mais de um ano, o filósofo e professor Diogo Bogéa vem diversificando em vários canais de comunicação seu projeto de levar a filosofia para mais perto do grande público.

Na “Oficina de Filosofia”, em ferramentas e espaços como YouTube, Instagram, podcast somam-se a livros e aulas virtuais. O educador utiliza linguagem acessível, recursos audiovisuais, crítica e criatividade ao mostrar temas curiosos e instigantes que estão no dia a dia das pessoas, com debates do que é vivenciado na sociedade brasileira.

A ideia para produzir e divulgar para mais pessoas o conhecimento de maneira diferente veio da observação e descontentamento com as barreiras no ensino.

“O projeto Oficina de Filosofia surgiu da minha insatisfação com o modelo acadêmico. Depois de mais de 10 anos de formação, estava perdendo o encanto pela filosofia, deixando de aproveitar o que ela tem de mais incrível: a capacidade de colocar questões e partir numa busca incansável por respostas. Percebi que no ambiente acadêmico se reduz a comentar filósofos europeus consagrados, tentando, no máximo, imaginar o que eles diriam sobre questões que nos interessam. E tudo numa linguagem técnica e pouco acessível ao público. Resolvi escrever um livro que seja inspirador, que encante as pessoas como um dia eu me atrai pela filosofia e, sobretudo, que as pessoas possam entender”, conta o filósofo e professor.

O livro é um aprendizado para conhecer a filosofia (Divulgação)

O objetivo é inspirar as novas gerações a fazer filosofia, incentivando cada um a colocar questões e investigar por si mesmo as respostas, utilizando para isso de todas as ferramentas disponíveis.

“O lugar da filosofia é o da resistência, da rebeldia questionadora e da busca incansável por compreensão. Nesse sentido, ela é amiga de todos os movimentos de contestação dos valores sociais estabelecidos. E esse, quem sabe, pode ser seu impacto social”, aponta Diogo Bogéa.

Experiência prática e mudança de atitude

É um aprendizado que proporciona transformações. “A filosofia abrirá a possibilidade de modificar de vida, de cenário, mudar de papel. Em outros, será justamente o caminho para a compreensão de que a vida que agora vivemos, da maneira que a vivemos, é a melhor que há. É uma permanente arte da negociação. Até onde ir? Limite para conceder? Os objetivos que hoje persigo têm mesmo a ver comigo? Quais são as relações que intensificam minha vida? Quais a empobrecem? Filosofia é isso, não esquecer o quanto são fundamentais essas questões”, explica o professor.

Segundo Diogo Bogéa, a filosofia também é exercício de cura, de cuidado com a própria existência. É encarar a crise e assumir a própria singularidade. “Eu tento mostrar, que para as grandes questões existenciais não há respostas definitivas. Respostas prontas são como “band-aids” colocados às pressas sobre uma ferida incurável. Você pode fingir que funcionou perfeitamente. Mas ela vai continuar incomodando. No fim das contas é preciso arrancar os curativos e aprender a pensar por si mesmo o que fazer com esse incômodo. Sabendo que nenhum caminho trará a satisfação definitiva. Trata-se mais de aprender a lidar com o sofrimento do que de se livrar dele de uma vez por todas”, avalia o filósofo e escritor.

Depois de criar a obra “Oficina de Filosofia: as questões que nos co-movem”, com abordagem transdisciplinar entre filosofia, ciências naturais (física, química e biologia) e história, o filósofo e professor Diogo Bogéa expandiu os formatos de produção, com parcerias nas gravações e intensificou a conexão com o público geral por meio das redes sociais. No último ano, houve aumento de interessados nos seus cursos tanto no Brasil como no exterior e suas turmas recebem alunos das mais diferentes áreas.

Conheça Oficina de Filosofia em:

Livro – “Oficina de Filosofia: as questões que nos co-movem” , Editora Viés, 377 páginas.

Youtube – Oficina de Filosofia https://www.youtube.com/channel/UCS9v-Bvb1vjUhJKe9scBMHQ

Podcast – Oficina de Filosofia, com apresentação de Diogo Bogéa e Emanoel Taboas https://open.spotify.com/show/4BmdGRKy4zqNByXvErEARK

Instagram – Oficina de Filosofia https://open.spotify.com/show/4BmdGRKy4zqNByXvErEARK

Notícias Relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias