35.2 C
São Gonçalo
quarta-feira, janeiro 27, 2021

Prefeitura do Rio cancela cirurgias eletivas para abrir leitos de Covid-19

Leia Mais

Acusado de estuprar duas crianças durante seis anos é preso em Arraial do Cabo

Policiais da 132ª DP (Arraial do Cabo) prenderam, nesta quarta-feira (27), um homem acusado de estuprar duas crianças durante seis anos. As vítimas, uma...

São Gonçalo segue vacinando contra Covid-19

A Secretaria Municipal de Saúde de São Gonçalo continua na vacinação do público-alvo previsto pelo Ministério da Saúde para as doses enviadas da CoronaVac....

Itaboraí quer aprimorar a Segurança Pública seguindo exemplo de Maricá

O secretário municipal de Segurança de Itaboraí, Heitor Baldow, realizou uma visita técnica, nesta terça-feira (26), às dependências da secretaria de Ordem Pública (SEOP)...

Adolescente desaparecido é encontrado morto com marcas de tortura em Niterói

O corpo de um adolescente de 16 anos foi encontrado na manhã desta quarta-feira (27) na Engenhoca, em Niterói. Ele tinha marcas de tiros...

Nesta terça-feira (1), o governo do Estado do Rio decidiu, após uma reunião com os responsáveis pela Secretaria de Saúde, cancelar cirurgias eletivas a fim de liberar leitos e profissionais para o combate à Covid-19.

Há pouco mais de uma semana, o Rio enfrenta uma alta na demanda por leitos, com filas para internações tanto em ambulatórios quanto em CTIs.

A Secretaria Estadual de Saúde publicará uma resolução ainda nesta terça-feira (1), determinando que os hospitais da rede pública suspendam operações, quase sempre agendadas e de média complexidade. A previsão é que 112 leitos de CTI sejam liberados. As intervenções cirúrgicas para os pacientes mais graves, a princípio, serão mantidas.

Segundo informações, a medida afetará praticamente todos os pacientes, pois irá paralisar a fila nas redes federal, estadual e municipais. Resoluções como essa normalmente são seguidas pelas prefeituras e pela União.

O texto recomenda que hospitais privados também suspendam essas cirurgias.

A suspensão das cirurgias eletivas vai ao encontro do que sugere a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O grupo de trabalho multidisciplinar de cientistas divulgou nesta terça uma nota técnica em que recomenda a abertura de leitos, a suspensão de eventos até o fechamento das praias.

O documento pede ainda:

Realização de ampla testagem;
Ampliação da oferta de transporte público;
Suspensão imediata de eventos presenciais;
Fechamento das praias;
Avaliação da decretação de lockdown (isolamento social severo).

Notícias Relacionadas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

Universitário administrava três sítios com mais de mil pés de skunk em Maricá

Um universitário de 31 anos foi preso, nesta quarta-feira (27), suspeito de tráfico de drogas em Maricá. Segundo a polícia, ele era responsável por...

Agentes de endemias são vacinados contra Covid-19 em Itaboraí

Linha de frente no combate ao mosquito Aedes Aegypti por toda a cidade de Itaboraí, os agentes de endemias foram incluídos no plano de...

Clínicas privadas acertam compra de 5 milhões de doses da vacina indiana

Nesta quarta-feira (27), a Associação Brasileira das Clínicas de Vacina (ABCVAC) fechou um acordo para comprar 5 milhões de doses da vacina indiana Covaxin,...

Faetec prorroga inscrição para 2.370 vagas

A Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) prorrogou o prazo de inscrição para os processos seletivos que vão preencher 2.370 vagas no primeiro...

Inep divulga gabarito oficial do Enem 2020 nesta quarta-feira (27)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulga nesta quarta-feira (27), os gabaritos oficiais das provas objetivas do Exame Nacional...