19.9 C
São Gonçalo
sábado, julho 13, 2024

Espetáculo que retrata biografia de ator de Itaboraí é encenado na cidade

Um ator isolado. Um camarim revelado em cena. Uma peça que nunca aconteceu. É neste contexto que será encenado o espetáculo “Eu NÃO Sou João Caetano”, o novo solo do ator e produtor recifense Alexandre Guimarães, nesta segunda e terça-feira (29 e 30-08), em Itaboraí, cidade natal do ator João Caetano (1808/1863).
O espetáculo também será apresentado na quinta e sexta (1 e 2 de setembro), em Niterói e dia 15 de setembro, no Teatro João Caetano, no Centro do Rio.
O projeto conta com o incentivo do Governo do Estado, através de edital público da Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa, e tem direção de produção de Christiano Nascimento.
O monólogo revela fragmentos da biografia de João Caetano dos Santos, um símbolo do teatro nacional que luta contra o esquecimento histórico e com a história do próprio Alexandre.
Assim, numa experiência metateatral, o intérprete reflete sobre a solidão vivida no palco e fora dele. Ao longo do espetáculo, o personagem toma consciência que as dificuldades enfrentadas pelos artistas hoje são as mesmas há quase 200 anos: preconceito, falta de recursos e teatros fechados.
“O espetáculo pretende levar o olhar do público para o bastidor do teatro, para refletir sobre como é a vida do artista fora dos palcos, os dramas, os desafios de seguir trabalhando. Além disso, a peça trata do péssimo hábito do nosso país de esquecer sua própria história”, afirma Alexandre Guimarães.
O espetáculo será apresentado nesta segunda, às 15h; e na terça, às 9h30 e às 15h, na Estação Cidadania, que fica na Rua Hilda Araújo, esquina com a Avenida Genésio da Costa Cotrim, no bairro Nova Cidade.

Matérias Relacionadas

No Content Available
plugins premium WordPress