24 C
São Gonçalo
quarta-feira, outubro 21, 2020

Em noite de gala de Muriel, Fluminense empata com o Atlético-MG

O líder do Brasileirão viu Caio Paulista abrir o placar para o tricolor, Guilherme Arana empatar e Muriel roubar a cena pegando tudo

Leia Mais

Agenda dos candidatos nesta quarta-feira (21/10), em ordem alfabética:

Capitão Nelson (Avante) - Coligação: Avança São Gonçalo (Avante-PL-PSDB)  O candidato caminha pela manhã nas ruas do Jardim Catarina. À noite, realiza reuniões nos bairros de...

Família acusa PM de matar mototaxista durante operação no Jardim Catarina

Familiares do mototaxista Smaly Silva Neves, de 27 anos, acusam policiais do 7°BPM (São Gonçalo) de matarem o jovem durante uma operação no Jardim...

Mais duas unidades de saúde de SG terão horário de atendimento estendido

Mais duas importantes unidades de saúde de São Gonçalo foram incluídas no programa “Saúde na Hora”. A partir desta terça-feira (20), a Clínica da Família...

Marcelo Eco assina obra na fachada do Teatro Municipal de São Gonçalo

A arte do renomado grafiteiro e ilustrador, Marcelo Eco, começou a estampar as paredes do Teatro Municipal George Savalla Gomes – Palhaço Carequinha, em...

Em grande jogo no Mineirão, Atlético-MG e Fluminense tentaram muito a vitória, mas ficaram no empate, por 1 a 1, gols de Caio Paulista e Guilherme Arana.

Muito movimentada e equilibrada, a partida foi uma das melhores até aqui no Campeonato Brasileiro.

Com o ponto conquistado, as duas equipes ficaram na mesma posição: o Galo perdeu os 100% como mandante, mas segue invicto em casa e líder do Brasileirão com 31 pontos, enquanto o Tricolor, que conquistou bom resultado, é o 5º colocado, com 25.

Quem foi bem: Arana e Yago são destaques de empate

Autor do gol de empate, Arana foi o melhor em campo pelo Atlético-MG no Mineirão. Além de ter balançado a rede do adversário, foi a melhor opção ofensiva da equipe de Jorge Sampaoli dando bastante trabalho no lado esquerdo do ataque. Se o ótimo primeiro tempo do Fluminense precisasse ser sintetizado em um jogador, este seria Yago. O volante esteve em todos os lados do campo, fechando espaços para conter as trocas de passe velozes entre Nathan e o ataque do Atlético-MG e também aparecendo muito bem no ataque, como arco e flecha: tanto achando Luiz Henrique e Caio Paulista em boas condições como também arrancando pelas pontas para dar opções.

Quem foi mal: Allan e Hudson destoam

Novidade no time de Jorge Sampaoli, o volante Allan não aproveitou a chance no time titular justamente contra o seu ex-clube. Com rendimento individual abaixo muito pelo desempenho aquém, também, do setor de meio-campo do Galo, o jogador foi envolvido na marcação forte do Fluminense. Mais adiantado do que de costume, Hudson, muito lento se tornou um problema na recomposição do Tricolor. No gol do Atlético-MG, por exemplo, foi ele quem ficou apenas olhando a bola passar até chegar em Marrony, que escorou para Arana abrir o placar.

Flu perde ponta com um minuto, mas começa melhor

Ocupando o campo de ataque, o Fluminense começou melhor o jogo no Mineirão ainda que tenha perdido Fernando Pacheco logo no primeiro minuto, quando o peruano sentiu problema muscular em jogada que prometia levar perigo ao gol adversário. Yago e Dodi davam sustentação para Hudson, mais avançado, trocar passes com os pontas e o centroavante Felippe Cardoso, que teve gol bem anulado aos 17 minutos após impedimento de Hudson.

Pelos lados, Igor Julião e Egídio subiam “na boa”, sem abrir espaços. A aplicação na defesa, inclusive, era destaque: o time de Odair Hellmann aproximou a distância entre a primeira e a segunda linha para “encaixotar” Nathan, cabeça pensante do Atlético-MG. Assim, o Galo de Jorge Sampaoli tinha dificuldades para jogar.

Golaço premia bom início tricolor

Mesmo atuando contra o líder do Brasileirão, o Flu fez primeiro tempo de muita coragem. Apesar das linhas baixas e de abdicar da posse de bola em alguns momentos, fugindo de suas características, o Tricolor era efetivo quando chegava com bolas um pouco mais longas e viradas de jogo. Aos 19, Luiz Henrique fez grande jogada pela esquerda, cortou para o meio e achou Caio Paulista centralizado. O camisa 70 dominou e acertou um foguete de canhota para marcar seu primeiro gol como profissional em grande estilo.

Galo enfrenta dificuldades para criar

Em que pese a superioridade técnica, o Atlético-MG tinha muita dificuldade para criar. Time que costuma finalizar bastante, o Galo chegou apenas três vezes e sem perigo ao gol do Fluminense, que segurava o adversário com marcação em seu campo de defesa e cedendo o mínimo possível de espaços. Allan, pouco efetivo e Nathan, preso entre os volantes tricolores, não conseguiam municiar Sávio, Keno e Sasha, que se movimentavam também participando pouco do jogo. A melhor chance veio aos 32, quando Nino cortou cruzamento de Arana que tinha a cabeça de Jair como endereço certo.

Atlético muda ataque e chega ao empate

O bom jogo no Mineirão mudou bastante logo no começo do segundo tempo. Com Marrony na vaga de Sávio, o Atlético-MG apertava mais o Flu em seu campo de defesa e rondava a área. A primeira chance, logo aos três, entretanto, foi dos tricolores. A zaga atleticana cortou mal e a bola sobrou para Luiz Henrique, que cortou um zagueiro antes de bater para fora de direita. Aos seis, entretanto, o Galo mostrou porque é o líder do Campeonato Brasileiro: sem perdoar erros, o time fez um gol com a cara de Sampaoli. Sasha avançou pela direita e cruzou, Jair fez corta-luz, Marrony escorou e Arana bateu forte, no canto. Muriel, mal colocado, não alcançou.

Galo faz ‘blitz’ tentando virada

Após chegar ao empate, o Atlético-MG promoveu uma verdadeira blitz no ataque. O bombardeio começou aos oito: Muriel parou os atleticanos três vezes na mesma jogada, com Marrony, Keno e Sasha. Dois minutos depois, Arana tentou de fora da área para nova defesa do goleiro tricolor.

Muriel salva o Flu com grandes defesas

Ainda que não faça um grande ano em 2020, Muriel se recuperou bem no segundo tempo no Mineirão. Se poderia ter evitado o gol de Arana, o goleiro fez uma defesa incrível aos 30, quando Nathan apareceu no meio da zaga para finalizar à queima roupa. Com a barriga, o dono da meta tricolor evitou a virada do Galo. Antes, aos 18, já havia parado chute de fora da área de Keno, além de outras boas defesas.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 1 x 1 FLUMINENSE

Data/Hora: 14/10/2020, às 21h30

Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Raphael Claus (FIFA – SP)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA – SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)

Árbitro de vídeo: Marcio Henrique de Gois (SP)

Público/renda: Sem público

Cartões amarelos: Réver, Jorge Sampaoli, Allan, Igor Rabello (CAM), Felippe Cardoso (FLU)

Cartões vermelhos:

Gols: Caio Paulista (19’/1ºT) (0-1), Guilherme Arana (6’/2ºT) (1-1)

ATLÉTICO-MG: Everson, Guga, Réver, Igor Rabello, Guilherme Arana; Allan, Jair, Nathan (Maílton); Savinho (Marrony), Keno e Sasha. Técnico: Jorge Sampaoli.

FLUMINENSE: Muriel; Igor Julião, Digão, Nino, Egídio; Hudson, Dodi, Yago Felipe; Fernando Pacheco (Caio Paulista), Felippe Cardoso (Ganso) e Luiz Henrique (Marcos Paulo). Técnico: Odair Hellmann.

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Notícias Relacionadas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

PAM de Alcântara: aglomerações, descaso e desrespeito

Na manhã desta terça-feira (20/10), uma fila gigantesca no PAM (Posto de Assistência Médica) chamou atenção de quem passava pela Rua Doutor Alfredo Backer,...

São Gonçalo Shopping promove campanha de corte com doação de cabelo

Como parte das ações do Outubro Rosa, o São Gonçalo Shopping vai promover, nos dias 20 e 21 de outubro, ação de corte de...

PRF libera trânsito após mais de uma hora de manifestação

A Polícia Rodoviária Federal liberou a BR-101 após uma manifestação realizada por moradores do Jardim Catarina que durou cerca de uma hora e meia. Os...

Moradores do Jardim Catarina protestam após morte de mototaxista em operação da PM; Confira o vídeo

Moradores do Jardim Catarina estão realizando uma manifestação, na manhã desta sexta-feira (20), para pedir justiça pela morte de um mototaxista durante operação da...

Manifestantes queimam pneus e fecham a BR-101, na altura do Jardim Catarina

Um protesto interrompeu o trânsito, na manhã desta terça-feira (20), na Rodovia Niterói-Manilha (BR-101), na altura do Jardim Catarina, em São Gonçalo. Os manifestantes queimaram...
Você não pode copiar o conteúdo deste site